Terceira Idade | SAD – Serviço de Apoio Domiciliário

no images were found

Introdução

O Serviço de Apoio Domiciliário que a Santa Casa da Misericórdia de Tondela disponibiliza aos seus utentes é norteado pelos princípios gerais estabelecidos no Compromisso da Misericórdia, normativos aplicáveis e pelo disposto no Regulamento Interno, assim como pelo Acordo de Cooperação celebrado com o Instituto de Segurança Social.

Este Acordo de Cooperação estabelece, como capacidade de intervenção da Santa Casa da Misericórdia de Tondela, a prestação de apoio domiciliário a 40 utentes.

A Santa Casa da Misericórdia de Tondela tem nos seus quadros colaboradores com larga experiência no cuidado de idosos e dispõe de viaturas especialmente preparadas para a prestação do serviço de apoio domiciliário

O SAD é uma Resposta Social, que consiste, nos 365 dias do ano, das 8H00 às 21H30,  na prestação de cuidados e serviços individualizados e personalizados no domicílio das pessoas quando, por motivo de doença, deficiência, idade, ou outro impedimento, não possam assegurar temporária ou permanentemente a satisfação das suas necessidades básicas e/ou atividades da vida diária.

O cumprimento desta missão obedece a uma estratégia de respeito pelos imperativos legais em vigor e pelos direitos do Utente como pessoa, e enquanto ser biopsicossocial e espiritual dotado de dignidade e direitos, cuja relação assenta num compromisso com a qualidade e os mais elevados padrões éticos

Admissão

Os critérios de admissão, assim como documentos necessários apresentar e metodologia de cálculo das mensalidades, estão contempladas nos Regulamentos Internos.

Objetivos

O SAD, nas suas atividades, visa alcançar os seguintes objetivos:

  • Contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos utentes e famílias;
  • Prevenir a institucionalização desnecessária, decorrentes de situações de dependência;
  • Acautelar crises e a deterioração grave da situação pessoal e familiar;
  • Proporcionar apoio personalizado aos utentes e/ou suas famílias no seu domicílio, de forma a criar condições facilitadoras de desenvolvimento global, assegurando-lhe cuidados de ordem física e apoio social, estabilidade emocional e vivencia social.
  • Contribuir para a promoção de atividades de sensibilização à comunidade envolvente que tenham por objetivo facilitar a integração do utente dependente, objetivando contribuir para a melhoria da qualidade de vida;
  • Facilitar o acesso a serviços da comunidade;
  • Promover a autonomia dos utentes;
  • Prestar apoio psicossocial aos utentes e familiares, de modo a contribuir para o seu equilíbrio, bem-estar e melhoria da qualidade de vida.

Serviços e atividades desenvolvidas

O Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) tem condições para prestar os seguintes serviços:

  • Cuidados de higiene e conforto pessoal nos seus domicílios;
  • Proceder à arrumação e limpeza do espaço físico que se verifiquem estritamente necessárias no domicílio do utente, para seu conforto e bem estar pessoal;
  • Fornecimento e apoio nas refeições, respeitando as dietas com prescrição médica;
  • Tratamento da roupa do uso pessoal do utente;
  • Atividades de animação e socialização, designadamente, animação, lazer, cultura, aquisição de bens e géneros alimentícios, pagamento de serviços, deslocação a entidades da comunidade;
  • Serviço de teleassistência;
  • Serviços de enfermagem – colaborar na prestação de cuidados de saúde sob supervisão de pessoal qualificado, podendo também proporcionar o acesso a cuidados especiais de saúde;
  • Administração de medicação, quando prescrita pelo médico.

O SAD tem, ainda, condições para assegurar outros serviços, não incluídos na mensalidade acordada, designadamente:

  • Formação e sensibilização dos familiares e cuidadores informais para a prestação de cuidados aos utentes;
  • Apoio psicossocial;
  • Confeção de alimentos no domicílio;
  • Transporte;
  • Cuidados de imagem;
  • Realização de pequenas modificações ou reparações no domicílio;
  • Realização de atividades ocupacionais;
  • Acompanhamento a cuidados de saúde.